Design de Logo vs. Branding: Qual é a Diferença?

Logo Design vs Branding qual é a diferença?
 

Olá, meu nome é Carlos William Hara, mas pode me chamar de Will. Sou formado em Arquitetura e Urbanismo, e pós-graduado especialista em Branding - Gestão de Marcas e cursando Especialização em Inovação e Gestão do Futuro.

Trabalho com criação de marcas há 9 anos, e há algum tempo percebi a necessidade que as pessoas enxergam de ter, com urgência, o seu próprio logo (um símbolo). Mas elas ainda não perceberem a real necessidade que está por trás de ter esse símbolo: elas precisam de branding: uma gestão estratégica de inovação da marca.

Tendo já explicado essa necessidade para vários clientes e prospects repetidas vezes, fui em busca de algum texto na internet que explicasse de forma ilustrada essa diferença, e encontrei este artigo em inglês, da Cleveland's Best Design Firm Go Media. Em contato com o Autor, William Beachy, solicitei sua autorização para traduzir e adaptar o texto para o português:

 

Por que eu detesto o meu novo logo?

Não se preocupe, estamos aqui para explicar pra você!

Todo mundo sabe o que é um logo. Trata-se daquela forma, desenho, que as empresas usam para representar a própria empresa, como o swoosh ✔️da Nike, os Arcos Dourados do McDonald`s (M), ou a sereia verde da Starbucks. Mas o que é branding exatamente? Branding é uma perspectiva mais holística de como os clientes experienciam a sua empresa. Enquanto um Logo é apenas uma simples e pequena marca gráfica, uma Marca (Brand) inclui cada ponto de contato que os seus clientes têm com a sua empresa.

Vamos usar a Nike como um exemplo e considerar as diferenças entre um logo e uma marca (Brand).

Logo original da Nike chamado Swoosh.jpg

O Logo da Nike é chamado swoosh. É uma forma bela e simples que representa movimento e velocidade. O nome Nike é derivado da Deusa grega Alada da Vitória. É muito bom, mas é apenas uma marca gráfica - uma simples forma.

Branding da Nike

O Branding da Nike inclui os seus comerciais, endossos de celebridades esportivas, as embalagens de seus produtos, o design das lojas, a colocação de produtos na TV e em filmes, os patrocínios, as imagens nas lojas, as tags etiquetas, a música em seus vídeos, o design de seu site, a fotografia dos produtos, a tecnologia, e assim por diante. É cada ponto de contato que você tem com a Nike.
 
Então, por que isso importa? Por que eu deveria me importar se eles fazem branding e não apenas design de logo? Aqui está o porquê: os seus clientes não vivem a experiência da sua empresa na forma de um logo flutuando diante deles em um vácuo branco. Eles experimentam a sua marca através do seu site, ou do cardápio, ou da embalagem do seu produto, ou dos seus comerciais. É importante que o escritório de design que esteja trabalhando no teu logo entenda que o logo em si é apenas uma pequena parte de uma grande coleção de outros tantos projetos gráficos que também representam a marca. 
 
Infelizmente esta é a forma como muitos empreendedores pensam que um bom design de logo vai funcionar:

Percepção equivocada do Logo de uma Marca

Passo 1 - Um cliente potencial vê um logotipo
 
Passo 2 - Se o logo for “bom”, eles vão ter uma reação emocional e intelectual. Eles vão instantaneamente saber o que a empresa vende, e eles saberão que é excelente!
 
Passo 3 - Eles vão decidir comprar o teu produto ou serviço.
 
Naturalmente, se esta é a forma como empreendedores pensam que o Branding funciona, então eles vão esperar uma forte reação emocional quando virem o novo conceito do logo para suas empresas. Mas isso não acontece. Quase todos os empreendedores quando vêem o seu novo logo NÃO se conectam emocionalmente. E como não se conectam emocionalmente, eles assumem que o design do logo não é bom. Afinal de contas, todos eles sentem uma forte conexão emocional com o logo da Nike. E é isso o que faz dele um bom logo, certo?
 
Errado.
 
Então, se o logotipo em si não engatilha uma reação emocional positiva, por que eu fico tão empolgado quando vejo o logo da Nike? Aqui está como isso realmente funciona:

Percepção real da Marca

Passo 1 - Um cliente em potencial vê o logotipo.
 
Passo 2 - Se o logo for familiar para eles (como o swoosh da Nike ✔️), eles vão instantaneamente relembrar de todas as experiências que tiveram com a marca - os comerciais, sua experiência adquirindo os produtos, ver aquele(a) vizinho(a) usando as roupas da Nike, a embalagem, a forma como seus amigos falam sobre a marca, o endosso de celebridades que a vestem, etc. 
 
Passo 3 - Essas memórias todas engatilham uma resposta emocional e intelectual: “Sim! Eu conheço essa empresa! Conheço seus produtos e sei que eles são INCRÍVEIS!”
 
Passo 4 - O cliente potencial decide comprar o par de tênis mais recente da Nike.
 
Como você pode ver, o logotipo é apenas uma linha visual para o cérebro lembrar suas experiências interagindo com a empresa (também conhecida como a "marca"!). A memória da experiência da marca é o que desencadeia a reação emocional!

 Então, de volta para o empreendedor e o novo logo. É assim que a sua experiência ao olhar seu novo logotipo vai parecer:

Percepção Confusa de uma Marca Não Familiar

Passo 1 - Um cliente potencial vê o novo design do logotipo daquela empresa.
 
Passo 2 - Ele NÃO possui nenhuma lembrança ligada a essa nova marca.
 
Passo 3 - Por não ter nenhuma lembrança da marca, ele não se sente empolgado nem inspirado de forma alguma.
 
Passo 4 - Demitem/culpam o designer.
 
Agora, vamos esclarecer um ponto. Não estamos sugerindo que todos os donos de empresas instantaneamente odeiem seus novos logotipos ou demitam seus designers. Mas este certamente é um desafio enfrentado por muitos designers quando trabalham com empreendedores - particularmente aqueles que já possuem marcas bem estabelecidas. Essas empresas com marcas bem estabelecidas possuem muitos anos de experiência com seu logo antigo - o que cria fortes vínculos emocionais. Esperamos que este conhecimento ajude você a entender porque ainda está apegado ao seu antigo logotipo e não atualizou para um logo novo e melhor.
 
“Bom, está tudo indo às mil maravilhas, Will, mas por que você está dizendo tudo isso?” Imagino que seja esse o seu pensamento agora. Vamos apenas fazer uma clara distinção entre design de logotipo e branding. O que nós fazemos por nossos clientes é branding. Consideramos todos os aspectos sobre o que realmente compõe uma marca, e integramos isso ao nosso processo de design. Então, sim, ao final do projeto, você TERÁ:
 

  1. Logotipo
  2. Fontes (Tipografias)
  3. Esquemas de Cores
  4. Brandbook - Guia de Posicionamento Estratégico (ou “Jeito de Ser) da Marca”

 
    Esses são todos os elementos fundamentais que você precisa para a sua marca. Mas durante o processo, você vai descobrir que nosso time também considera outros aspectos da sua marca. E isso é específico para cada projeto, mas pode incluir itens como: etiquetas tags e papelarias de escritório, projeto de sinalização e comunicação de fachada, website, estilos de imagens, tipos de papéis e acabamentos, uniformes, outdoors, embalagens, envelopagem da frota de carros, etc.

Branding Aproach

A nossa abordagem ao processo de design é  bem diferente do que a maioria ainda possui (sejam agências de publicidade, marketing, ou escritórios de design), e pode até parecer mais confusa à primeira vista, inclusive aos nossos próprios clientes. Nas duas primeiras rodadas do processo eles podem até perguntar: “Hey! Então, cadê o meu logotipo?”. Invariavelmente eles passam a entender o que realmente estamos fazendo, e ao final, eles possuem em suas mãos uma solução muito melhor pensada para sua empresa. Eles possuem mais do que um logotipo, eles possuem uma marca! (...)
 

MORE THAN A LOGO.
A BRAND!

Sou Futurista, e acredito no poder da transformação pelo design, por isso ajudo as pessoas a se empoderarem de seu lado criativo e inovador, através de processos participativos, criando Marcas com Propósito.

No próximo artigo vou detalhar um exemplo passo a passo do nosso Processo de Inovação em Branding.

Se interessou? Pronto para criar sua Marca com Propósito? Entre em contato, ou solicite um orçamento para seu próximo projeto!

 

hello@cwhara.com
Nex Coworking - Rua Francisco Rocha, 198. Curitba - PR.
 
(Traduzido e Adaptado por William Hara, de: “Logo Design vs. Branding – what’s the difference?”, de 26 de Maio de 2015 – com autorização do autor: William Beachy)